Zortéa: Calamidade pública em virtude da covid-19 e a escassez de água

Zortéa – O prefeito de Zortéa, Alcides Mantovani, decretou estado de calamidade pública devido à pandemia de coronavírus. O decreto foi publicado nesta quinta-feira (07). Conforme o prefeito, a medida é embasada nas normativas federais e estaduais que tratam da saúde pública decorrente da Covid-19.

Com relação a seca, a escassez de água no município está sendo um grande problema e as pessoas que forem flagradas desperdiçando (ex: lavando carro ou calçadas), serão multadas.

O prefeito Alcides Mantovani falou a reportagem da Rádio Barriga Verde.

Ouça:

Fonte: Rádio Barriga Verde
Foto: Município de Zortéa