Escola Municipal de Ouro desenvolve o projeto “Cápsula do Tempo – O Dia Que a Terra Parou”

O ano de 2020 foi atípico por conta da pandemia mundial do novo coronavírus. As medidas protetivas mudaram a rotina de todos nós e cada um sentiu de forma individual os impactos causados pelo isolamento social. Um dos seguimento que mais teve que se reinventar foi o da educação já que com a suspensão das aulas presenciais os professores tiveram que preparar aulas online e se adaptar as ferramentas digitais.

Desafiados a nova realidade, os nossos professores se superaram e surpreenderam a todos pelo que fizeram diante de tantas adversidades.  Um bom exemplo foi o projeto desenvolvido pela Escola Municipal Felisberto Vilarino Dutra, localizada no bairro Parque e Jardim Ouro, em Ouro.  As professoras de produção de texto do 3º,4º e 5º anos, Simone Grezele e Simone Machado, desenvolveram com seus alunos o projeto “Cápsula do Tempo, O Dia Que a Terra Parou”.

De acordo com a diretora da Escola, Monica Albara, o objetivo é guardar memórias através do trabalho produzido pelos alunos com a participação das famílias, principalmente com relação ao momento atual. A Cápsula do Tempo ficará guardada na Escola com muito carinho, será repassada de gestão em gestão e daqui 10 anos em 2030 ela será aberta para lembrar este ano atípico de pandemia.

Ouça

A professora Simone Grezele revela que o projeto surgiu a partir do seguinte questionamento: Que memórias ficarão para os meus alunos sobre o momento que estamos vivendo? Ela revela que a ideia é deixar armazenadas, memórias, lembranças, produções, fotos e reportagens com o objetivo de explorar nos alunos a elaboração e exploração de diferentes gêneros textuais através de pesquisas e relatos relacionados a pandemia. Ai intenção também foi levar o aluno a refletir sobre a importância do seu papel na sociedade como um ser transformador que faz parte da história.

Ouça:

 

A professora Simone Machado conta que todos viajaram juntos nesta aventura; os alunos, professores, direção e orientadoras, através de pesquisas com informações a respeito do Covid-19. Também foram resgatadas músicas a exemplo da do cantor Raul Seixas “ O Dia Que a Terra Parou” que foi escrita há 40 anos e nos dias de hoje está tão atual. Através dela os alunos puderam catar, se divertir e recriar, através de paródias.

Simone agradece todos que se envolveram neste projeto que surtiu um efeito muito positivo.

Ouça:

 

Confira os depoimentos dos alunos:

 

 

Confira como momento em que a capsula foi selada:

https://youtu.be/bqhoOoZiUyU

 

Fonte: Rádio Barriga Verde
Foto: Rádio Barriga Verde