Correspondente da Itália fala sobre o cenário atual da pandemia do coronavírus na Europa

 

Às segundas-feiras a correspondente informal da Rádio Barriga Verde, a capinzalense Margot Andrioni que mora em Milão na Itália, traz informações relacionadas a pandemia mundial do coronavírus nos países europeus.

Ouça:

 

Confira:

“A pandemia está fazendo a Europa sofrer cada vez mais. A situação ainda é grave. Toda semana, são notificados 1.600.000 novos casos. São 9.500 pessoas a cada hora, 160 a cada minuto. É somente entre os idosos que estamos vendo uma diminuição, talvez devido ao elevado número de vacinas nesse grupo de alto risco.

A campanha de vacinação aqui na Europa, ainda não consegue conter o avanço do vírus, que esta semana bateu o número total de 1.000.000 de mortos. De acordo com dados da OMS, os países com mais novos casos de contágio nos últimos sete dias foram: Polônia, Alemanha, Ucrânia, Hungria, Romênia e  República Tcheca. Os países com maior número de mortes na última semana foram: Polônia, Ucrânia, Hungria, Alemanha, Romênia, República Tcheca e Bulgária. No resto da Europa, no entanto, a situação está piorando também na Suécia e em grande parte da França.

Na Espanha, por outro lado, na província de Valência caiu para 42 contágios a cada 500.000 habitantes.   

A França decidiu impor uma quarentena obrigatória de 10 dias para que chegam do Brasil, Argentina, Chile, África do Sul e Guiana devido à disseminação de variantes nesses países. Os voos com o Brasil estão suspensos desde a última terça-feira para conter a disseminação da variante brasileira, considerada mais contagiosa e letal. A suspensão é prorrogada até a próxima sexta-feira, 23 de abril.

A Alemanha esta semana desacelerou na campanha de vacinação, e a situação ainda é muito séria por lá. Os alemães cansados das restrições, começaram a sair de casa e se movimentar novamente. E com eles, o vírus. Tem muita gente nas ruas, muito movimento e poucas pessoas usando máscaras em locais públicos, por isso que a situação está ficando cada vez pior. Ângela Merkel impôs novas restrições, e ontem fizeram uma homenagem para relembrar as 80.000 vítimas alemãs.  

De acordo com dados oficiais, a Hungria que já vacinou 45% da população com pelo menos uma dose, e a Sérvia com 44%, estão em quinto e sexto lugar, respectivamente, na Europa, para doses de vacina aplicadas, em relação à população. E liderando o caminho sempre aqui na Europa, o Reino Unido  que já superou 45 milhões de doses (e liberou a vacina também para gestantes) e Malta com 42% da população adulta já vacinada com a primeira dose.

Aqui na Itália já foram aplicadas mais de 15 milhões de doses. E a imunidade de rebanho é prevista para agosto. A curva de  contágio nessa semana ficou constante, a média continua de 15.600 novos contágios diários e a média de mortes foi de 412 mortes por dia.  Pouco menos de 7 milhões de estudantes estão voltando às escolas hoje, e até o “grande retorno do dia 26”, segunda feira que vem, o governo e as regiões estão planejando transporte e testes rápidos”, disse ela.      

Fonte: Rádio Barriga Verde
Foto: Rádio Barriga Verde